Pular para o conteúdo principal
Publicado em 21, Jul 2022 por economia_obser…
Pessoa manuseando prancheta em área industrial
Publicações

Confiança do empresário industrial catarinense se mantém estável

No mês de julho, a confiança do empresário industrial tanto em Santa Catarina como no Brasil permaneceram estáveis, acima do limiar de 50 pontos, indicando que o sentimento de confiança do empresário industrial se mantém positivo no cenário estadual e nacional.

Índice de Confiança do Empresário Industrial

Assim como na média nacional, o Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) se encontra em nível inferior ao patamar pré-pandemia. Os recentes acontecimentos na economia global, como a desaceleração na economia chinesa, a escassez energética na Europa e o conflito no Leste Europeu, tornaram o cenário macroeconômico mais incerto, volátil e com tendências à desglobalização.

Revisão de crescimento para o PIB de 2022 no mundo

A soma dos fatores citados acima, aliado à um choque de aumentos globais nas taxas de juros, vem se refletindo em menores perspectivas de crescimento do PIB em 2022. Contudo, apesar desses desafios econômicos, a economia catarinense se mantém resiliente e sustenta a confiança do empresário industrial em nível constante desde meados de 2021.

O ICEI é um índice de difusão, que varia de 0 a 100 pontos, composto por dois indicadores: 1) o índice de condições atuais, que mostra o sentimento do atual estágio da economia em relação aos últimos seis meses e 2) o índice de expectativas, que procura mensurar as expectativas para os próximos seis meses.

Condições atuais da economia em melhora pelo segundo mês consecutivo

O componente do ICEI relacionado às Condições Atuais da economia segue pelo segundo mês consecutivo acima do limiar de 50 pontos, indicando que os empresários industriais continuam observando melhoras no cenário atual, na comparação com os seis meses anteriores.

Índice de Condições Atuais para os próximos seis meses

As medidas do governo para arrefecimento da inflação no país, como a limitação da cobrança estadual do ICMS sobre os combustíveis, energia elétrica, comunicações e transporte coletivo até o final de 2022, proporcionam um ambiente doméstico de maior confiança no curto prazo. 

Em relação às expectativas para os próximos seis meses, as percepções também continuam otimistas em Santa Catarina e no Brasil.

Acesse o boletim na íntegra abaixo: